Postado em 28 de Abril de 2016 às 16h22

Argos lança “Cinema, infância e imaginação: tecendo diálogos”

Notícias em destaque (318)

O mais recente livro publicado pela editora Argos é “Cinema, infância e imaginação: tecendo diálogos”, que constitui um lugar de luta. As concepções sobre cinema, poesia e infância que neles se fazem presentes podem e são de alguma forma uma luta político-cultural. Para escrever a obra os autores entregaram-se completamente a estas reflexões costuradas e abordadas através da tessitura poética.
Os textos contidos na coletânea foram escritos coletivamente e elaborados pelo Grupo de Pesquisa em Educação Imaginativa (GPEI), inserido no Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Educação Estética (Gedest), da Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc). As organizadoras da obra são respectivamente Rosilene de Fatima Koscianski da Silveira, mestre em Educação pela Unesc, e Silemar Medeiros da Silva, que possui graduação em Educação Artística pela Unesc.
A obra é dividida em 12 textos, que falam sobre cinema, filmes ou animações e imaginação. Essas escritas têm o objetivo de refletir sobre criança, infância e a imaginação na consciência infantil.

Para adquirir acesse: http://goo.gl/xSMJ3i

Veja também

“Crítica literária: em busca do tempo perdido?”13/10/16 De um lado, o autor, João Cezar de Castro Rocha, revisita a história recente da crítica literária brasileira, cuja versão dominante localiza a origem de sua modernidade na polêmica iniciada em 1948 por Afrânio Coutinho contra o “impressionismo” dos famosos “rodapés” que dominavam os grandes jornais da época. Álvaro Lins era o......
Dia do Professor e do Técnico Administrativo09/10/17 No dia 15 de outubro é comemorado o Dia do Professor, data que homenageia os responsáveis pelo desenvolvimento da educação e do conhecimento de todos. Como sabemos, essa profissão é uma das mais importantes do mundo,......
Diálogos digitais03/07/18 Conhecido como e-book, o livro digital pode ser acessado em diversos dispositivos eletrônicos, como computadores, notebooks, tablets, eReaders e smartphones. Essa nova linguagem, que se desvincula do universo do livro tradicional em papel, adota......

Voltar para Notícias