Postado em 18 de Julho de 2016 às 16h20

“Exercícios críticos: leituras do contemporâneo”

Notícias em destaque (318)

Do rodapé dos jornais para a sala de aula. Este é o caminho da crítica literária, conforme aponta João Cezar de Castro Rocha. O problema reside em deixar a crítica apenas relegada a este espaço: o da discussão acadêmica. Em “Exercícios críticos”, há uma tentativa de aproximar a crítica de outros espaços, para além da sala de aula das universidades.
Diante deste desafio, o autor coloca outro: o de tornar-se bilíngue em seu próprio idioma; ou, como ele denomina no decorrer de suas discussões, a esquizofrenia produtiva. Esta necessidade de levar a crítica a diferentes espaços, a produção a partir da leitura, diz João Cezar, faz com que tenhamos que aprender a lidar com diferentes linguagens em diferentes espaços. A velocidade com que se propaga informação é algo fantástico e desafiador ao mesmo tempo. A crítica encontra seu lugar, diante desta realidade, na esquizofrenia produtiva.
“Exercícios críticos: leituras do contemporâneo” é resultado de uma seleção feita pelo autor com textos seus inicialmente publicados em jornais e que agora vêm juntos trazer esta discussão importante sobre a leitura e produção a partir dela. É um livro que promove ótimas discussões e instiga para muitas outras, não apenas no espaço acadêmico, mas no cotidiano e nas discussões do dia a dia, lugar onde se quer a literatura e sua grandeza.

Para adquirir acesse: http://goo.gl/If3HLi


Veja também

Roberto Acízelo de Souza conversa com alunos sobre o livro “Do mito das Musas à razão das Letras”05/09/16 Na última terça-feira (30/08), o escritor Roberto Acízelo de Souza participou da aula magna do curso de Letras da Unochapecó. Na ocasião, os estudantes tiveram a oportunidade de conversar com o autor sobre o livro “Do mito das Musas à razão das Letras”, vencedor de um dos principais prêmios de literatura do País, o Prêmio......
Livro retrata tradição dos produtos coloniais16/03/16 Salame, queijo, pão caseiro, vinho e pé de moleque. Além de deliciosos, esses alimentos são muito tradicionais, e quase sempre estão na mesa de quem mora no oeste catarinense. A produção desses alimentos ocorre......

Voltar para Notícias