Postado em 17 de Maio de 2018 às 16h22

Argos tem trabalho selecionado para 1º Seminário Brasileiro de Edição Universitária e Acadêmica

Notícias em destaque (318)

Durante a XXXI Reunião Anual das Editoras Universitárias (ABEU) acontece o 1º Seminário Brasileiro de Edição Universitária e Acadêmica, de 22 a 25 de maio no Rio de Janeiro. A Argos Editora da Unochapecó apresenta de forma oral seu trabalho selecionado.

A seleção foi feita por uma comissão externa, levando em conta aspectos como relevância do tema, clareza do texto, impacto dos resultados e reprodutibilidade da experiência. De todos os trabalhos submetidos, seis foram escolhidos para apresentação oral, sendo um deles o da Editora Argos. Estas apresentações ocorrerão no Palácio Itaboraí (Fiocruz Petrópolis), em uma sessão no dia 24 de maio, das 16h30 às 18h. Intitulado “Difusão do Conhecimento: trajetória de uma editora universitária e seus desafios e tendências editoriais contemporâneos”, o trabalho da Argos foi escrito e será apresentado pela coordenadora da Argos, professora Rosane N. M. Silveira.

De acordo com Rosane, a Reunião Anual é um encontro intenso e valioso para as editoras afiliadas da ABEU, pois favorece a discussão, as reflexões e, principalmente, os diálogos entre as instituições de ensino superior e os institutos de pesquisa filiados à ABEU. Para a Argos, ter seu trabalho selecionado para apresentação oral, em um evento que promove a aproximação estratégica de editoras universitárias, é ter a oportunidade de compartilhar as experiências editoriais exitosas e é ter o reconhecimento do trabalho que tem sido desenvolvido pela Editora da Unochapecó.

Confira os trabalhos selecionados: http://www.reuniaoanualabeu.com.br/farol/reuniaoanualabeu/sobre/resultado-da-avaliacao-dos-trabalhos/312/

Veja também

“Prospecções filosóficas: Platão e Aristóteles, Estética, Hermenêutica e Teologia”21/12/17 Reunidos aqui, neste livro, sob o título de “Prospecções filosóficas: Platão e Aristóteles, Estética, Hermenêutica e Teologia”, encontraremos alguns dos resultados de uma década de investigações do professor Fausto dos Santos Amaral Filho. Para ele, essa década foi marcada não tanto pelo teor ou pela quantidade das......

Voltar para Notícias